Arquivo

Posts Tagged ‘Fórmula 1’

10 maiores contratações futebol brasileiro + 10 pilotos que abandonaram as pistas e voltaram a competir

maiores contratações futebol brasileiro

 

As 10 maiores contratações do futebol brasileiro foi um dos temas que produzi conteúdo recentemente para o Yahoo Esportes. A partir de uma lista elaborada pelo jornalista Paulo Vinícius Coelho, que levantou as maiores transferências, fiz uma análise contextual sobre a época de cada uma, com bastidores e motivações. Bem bacana.

Clique aqui e leia o conteúdo sobre as maiores contratações do futebol brasileiro

A outra produção relembra 10 pilotos que abandonaram as pistas e voltaram a competir, por conta do retorno de Felipe Massa à Fórmula-1, pouco tempo depois de anunciar a sua aposentadoria.

Confira o texto com fotos dos pilotos que abandonaram as pistas e voltaram a competir

 

Anúncios

10 provas marcantes em Interlagos + esportes que têm ajuda da tecnologia

senna

Apresento mais uma série para o Yahoo Esportes. Neste domingo ocorre o GP Brasild e Fórmula 1, que pode decidir o campeão da temporada 2016. E eu fiz um levantamento com as 10 provas marcantes em Interlagos, este circuito tão espertacular da categoria. Fiz também uma pauta bem interessante sobre 10 esportes que contam com o auxílio da tecnologia, na tentativa de mostrar que o futebol pode, sim, receber ajuda na decisão de lances polêmicos.

Confira os conteúdos nos links a seguir:

10 provas de F-1 marcantes em Interlagos

10 esportes que contam com o auxílio da tecnologia

Notas e mais notas

Olá pessoal. Desculpem o sumiço, muita correria pra fechar o trabalho final da professora Cremilda e uma forte gripe que me pegou esta semana pós-folga e me deixou de quarentena em casa. Hoje vamos de notas!

– A grande notícia de hoje foi a medalha de ouro de César Cielo nos 100 metros no mundial de natação em Roma, com direito a recorde mundial, com 46,91 segundos. É o herói nacional de um país tão carente de bons atletas em profusão vencendo. Quando surge um, esquece-se a dificuldade que este chegou até ali e os outros que estão batalhando e podem não consseguir medalhas, mas levam o nome e a bandeira do Brasil pelo mundo. A crítica é: mais investimento e fiscalização dessa verba para aumentar os bons resultados e que não sejam raros.

– Já a mega notícia de ontem foi o anúncio pela Ferrari de que Schumacher vai correr enquanto Felipe Massa não se recupera do acidente da última corrida. Foi o assunto do dia, o Twitter passou a tarde só com mensagens sobre o tema, felicitações de todos os lados por verem a lenda de volta às pistas. Realmente foi uma boa sacada da Ferrari, que vai agitar o GP de Valência. Para Schumacher pode ser uma fria, já que não corre há 2 anos e meio e não tem mais o que provar pra ninguém, mas sabe como é fã, se for um fiasco, pode sujar a imagem. Na verdade, eu acho que algum possível fracasso não muda nada, já que ele volta como atração apenas. Mas, como o alemão é competitivo, os adversários que se cuidem!

– Mas isso se o Massa deixar né? Ao receber a notícia ontem comentou: “Isso se eu não correr, né?” Ou seja, o cara quer saber é de recuperar e correr logo, como disse seu médico particular hoje. Não sei se em Valência, nem prova seguinte que será logo uma semana depois, mas nas outras 5 é bem provável. Tudo vai depender da evolução do quadro clínico do piloto e de possíveis sequelas ou mesmo dores que podem afetar o processo de recuperação.

– Li no UOL “Brasil e Espanha pedem informações sobre possíveis bases dos EUA na Colômbia”, mostrando toda a insatisfação de ambos os países com o aumento de bases militares na região. Oras, mas só agora, muchacho? Os EUA injetam há séculos verba na Colômbia para combater o terror e as drogas (o lema é esse) e não vão ter nenhuma contrapartida? É o farol, os olhos dos EUA na América do Sul e é mais que vital que o Brasil volte sua atenção para a movimentação da Colômbia, para, no mínimo, tentar frear a influência estadunidense no país. Mas enquanto Uribe for presidente, isso vai ser difícil mesmo, reconheço. É preciso uma mudança interna para promover um câmbio externo.

– Hoje Lula disse que o que ocorre no Senado não é problema dele. Aí o Noblat no Twitter colocou assim: “Se não é p q se mete? P q tenta enquadrar o PT para q apoie Sarney? Lorota pura”. Vou dizer o que, né? pensei que o Noblat ia dizer algo tipo “então, se o Senado não é com o presidente, é com quem?”, mas a resposta foi ainda melhor. E completou com a reflexão de que os 80% de aprovação pelo povo permitem que ele solte mentiras por aí sem problemas. É, já dizia Nélson Rodrigues: ” a unanimidade é burra”. E o governo Lula no trato político interno é um fiasco, um fiapo que se enrosca a cada dia mais num dente podre chamado Legislativo.

%d blogueiros gostam disto: