Início > Crônicas, Futebol > Uma noite pela 4ª divisão do Paulista

Uma noite pela 4ª divisão do Paulista

Fui nesta sexta-feira à noite ver E.C. São Bernardo 1 x 1 C.A. Diadema, pela 4ª Divisão do Campeonato Paulista. Sempre quis ver um jogo do Bernô original e dessa vez consegui conciliar a minha agenda com a do torneio. Eu e mais 81 abnegados pagamos ingresso que gerou uma fabulosa renda de R$ 720, que não deve pagar nem a água da privada. Contei por cima o público e não  tinha mais que 115 pessoas.

Visitantes classificaram com o empate, enquanto os dos da casa praticamente foram eliminados.  Mas não podem reclamar. Saíram atrás no placar, mostraram força, empataram na etapa final, mas perderam dois gols incríveis que poderiam ter dado a vitória. Não fez, amigo, bye-bye.

Bola rolou no Baetão nesta fria sexta-feira à noite

Bola rolou no Baetão nesta fria sexta-feira à noite

Legal de ver partidas assim é poder escutar jogadores e árbitro. Juizão mandou uma ótima no fim do jogo, após apontar lateral pro time visitante. Virou pro banco do Bernô e se desculpou: “não é sempre que eu acerto”. Depois, disse pros jogadores do Diadema, que faziam o manjado cai-cai pra passar o tempo: “depois não reclamem dos acréscimos que eu vou dar”. Deu quatro minutos.

No primeiro tempo, ouvi um torcedor gritar pro bandeira: “sai do Facebook”. Na hora não entendi, mas vi o bandeira mexer em algo no bolso. Não acreditei. Será que ele tem um celular no bolso? Não pude comprovar, a não ser fiar-me na zombaria do torcedor rival. O jogo começou atrasado porque duas traves de treinos estavam atrás de um dos gols e, segundo o árbitro, atrapalhariam o cotejo.

Gandulas retiram trave da cancha do Baetão

Gandulas retiram trave da cancha do Baetão


Transmissão ao vivo (!) e torcida organizada (?)

Uma coisa que me intrigou foi que tinham uns caras transmitindo (!!!!) o jogo via rádio. Devia ter perguntado que raio de emissora transmitia aquilo. Dois moleques na narração e comentários e um tiozão, lá pelos 50 anos, reportando no gramado. Até a NET local tava lá, pra fazer ibagens e entrevistar os artistas da bola.

Mas, transmitir o jogo ao vivo pelo rádio foi demais. Me arrependi agora de não ter perguntado. O comentarista parecia eu mais jovem: gordo, barbudo, desengonçado e com as calças lá no chão…

Organizado do Bernô  solitário

Organizado do Bernô solitário

A coisa é tão feia pro Bernô que nem organizada tem. Só o cara da foto acima com as faixas. Tinham umas garotas que gritavam qualquer coisa o tempo todo na social, uns moleques sub alguma coisa que mal viam o jogo e uns velhos que assistiam a peleja e ruminavam algo.

Já o Diadema tinha torcida que xingava o goleiro rival no tiro de meta e até a famigerada corneta. Cornetaram tanto o lateral do Bernô numa falta que, como castigo, saiu gol no mesmo lance. Voltaram para seus lugares com a corneta entre as pernas. Mas no fim eles festejaram a classificação e saudaram o ex-corintiano Ataliba, técnico da equipe visitante.

Ataliba sai de campo após classificar o Diadema á próxima fase da 4ª divisão do Paulista

Ataliba sai de campo após classificar o Diadema à próxima fase da 4ª divisão do Paulista

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: