Início > Notícias > Face Leste: o processo de criação do livro

Face Leste: o processo de criação do livro

Olá!

Estou aqui mais uma vez para divulgar o meu trabalho no projeto Face Leste: revisitando a cidade. O post de hoje detalha o processo de produção do livro. Está bem bacana, garanto! Aproveite a leitura!

Post publicado originalmente em: http://bonitaproducoes.wordpress.com/2011/11/30/face-leste-o-processo-de-criacao-do-livro/.

Vamos continuar a falar aqui no Blog da Bonita sobre o projeto Face Leste: revisitando a cidade. Hoje vamos abordar um pouquinho como se deu a produção do livro. Em conversa com a Associação Cultural Beato José de Anchieta, surgiu um pedido para que o livro contemplasse o maior número de obras e informações que servissem de base para estudantes, pesquisadores e quem mais almejasse conhecer sobre a região, servindo como uma compilação de histórias, livros e personagens da Zona Leste.

Ou seja, mais que um desejo, encaramos como uma necessidade quando se fala sobre a Zona Leste, tão pouco conhecida, refletida e com sua história contada em fragmentos, que agora estão reunidos em um resumo de alguns de seus principais bairros e com referências bibliográficas de vários trabalhos de pesquisa, livros, dissertações de mestrado e teses de doutorado.

Com esta missão na cabeça, começamos as pesquisas. A internet é uma ótima ferramenta para iniciar qualquer busca. Ela indica os caminhos, aponta os autores, as pessoas, as entidades, enfim, quem possa ajudar a responder nossos questionamentos e angústias quanto a qualquer tema. Mas é preciso ir além. De posse de muitos nomes de acadêmicos e estudiosos em geral, a meta seguinte é ir atrás dos livros, das dissertações e teses armazenadas nas universidades. E aqui vai um elogio à USP e à PUC-SP que detém um arsenal gigantesco e rico de obras. A leitura desse material proporcionou a composição de um mosaico rico de informações e abriu muitas possibilidades de abordagem em cada um dos 13 capítulos, que corresponde aos 13 bairros contemplados no livro.

Essa pesquisa inicial – mistura de internet com leituras das fontes diretas – que levou cerca de um mês indicou, consequentemente, as fontes que seriam entrevistadas para compor o debate dentro do livro. Pois como nossa meta era abordar o texto sob o estilo de uma revista, mais solto, sem as amarras da teorização acadêmica, privilegiaria, além dos livros e pesquisas, entrevistas com os autores desses trabalhos, para ir além da obra acadêmica e tentar entender particularidades a respeito de cada bairro.

A internet nos auxiliou também na busca por protagonistas ou moradores simples desses bairros, para trazer um aspecto mais íntimo, mais pessoal sobre essas regiões, procurando aproximar a história do bairro com o cotidiano e a história de vida das pessoas que vivem na região. Em contato com entidades locais encontramos líderes comunitários, membros de movimentos sociais, donas de casa, aposentados, enfim, pessoas envolvidas com a comunidade e também pessoas simples, todas com uma visão bastante peculiar sobre o lugar onde vivem. Talvez uma coisa que pode-se dizer que é semelhante na boa parte dos bairros é a história de imigração, que é o cerne da história da Zona Leste. Tanto imigrantes estrangeiros quanto os migrantes nordestinos, mineiros, paranaenses, do interior paulista, etc. É o que simboliza uma terra que foi sendo ocupada com o decorrer do século XX e com o desenvolvimento e crescimento da urbanização na cidade de São Paulo e pelas capitais de todo o Brasil.

A fase seguinte foi a da realização das entrevistas com os pesquisadores e com os moradores dos bairros, um processo que durou cerca de dois meses e foi o período mais prazeroso do projeto: conhecer pessoas, suas histórias, visitar os bairros e vivenciar a experiência de perto, estando próximo, além de debater teorias, compreender o fenômeno que transformou a Zona Leste no gigante que ela é hoje. As entrevistas ajudaram a compreender também a Zona Leste do ponto de vista teórico, acadêmico, por meio de um ponto de vista compartilhado por vários pesquisadores nos seus trabalhos e nas entrevistas colhidas, o que possibilitou uma ampla Introdução focando nas raízes, causas e conseqüências do porque que a Zona Leste se desenvolveu para a forma como conhecemos hoje.

Com tudo isso em mãos, mais um período de quase dois meses para reunir todo o material colhido desde a pesquisa, refletir bastante e começar a dar forma ao livro, escrevendo, escrevendo e escrevendo, na tentativa de passar ao máximo o sentimento que representa cada um dos bairros citados no livro, sem deixar de colocá-los no contexto da Zona Leste, em que cada região teve uma importância ímpar para o crescimento da Face Leste da cidade. O resultado está na gráfica e em breve será compartilhado com todos e esperamos que todos gostem, pois foi um trabalho árduo mas satisfatório, que ensinou muito a todos os envolvidos e será uma etapa de nossas vidas inesquecível.

Volte aqui mais vezes, pois em breve traremos mais informações sobre o livro e mais curiosidades sobre os bairros presentes no livro. Até a próxima!

Anúncios
  1. Evandro Marques
    30/11/2011 às 11:50 AM

    Parabéns Rodrigo. Confesso estar já com vontade de ler esse livro! rs…

    Curtir

    • rodrigoherrerolopes
      30/11/2011 às 11:58 AM

      Valeu cara! Em breve, em breve! hehehe… Ficou trabalho realmente bacana e que agora,m aos poucos, a gente está divulgando pro pessoal tomar conhecimento. Espero que as pessoas gostem e que seja um trabalho visto e reconhecido pelas pessoas. Abraço!

      Curtir

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: