Início > Notas > Notas ao vento…

Notas ao vento…

Olá pessoal.

Os dias têm estado atribulados, confusos, por vezes, difíceis. Mas, às vezes, também maravilhosos. Por isso esse vai e volta no blog. Mas hoje vamos às notinhas, pitacando coisas que pinçei na internet há pouco.

– Impressão minha ou hoje fez calor pacas? Esta terça foi corrida, chata, entendiante. Mas tive um momento de raio de sol, de lua cheia, então, acabou sendo um bom dia.

– Da Folha: “A crise econômica deve provocar em 2009 a primeira redução na carga tributária desde 2003, de acordo com previsões da Receita Federal divulgadas nesta terça-feira”. O número alcançou 35,8% do PIB. Enfim, só assim pra cair a carga tributária, né? Mas, afinal de contas, interessa a quem a redução do imposto que pode ir pra melhoras no país? Tá, muito dinheiro é desviado, mas como disse a nosssa ministra Dilma, o Brasil não é um país perfeito. Ironias à parte, se não for pro bolso de alguém, fica na mão de quem já tem, isso porque, quem paga imposto nesse país é o povo, alta tributação inexiste pra quem ganha muito. Então, concluo que esse debate serve só para alimentar jornal.

– Também da Folha: “Mesa do Senado anula 2º ato secreto; diretor diz que 99% devem continuar válidos”. Pô, quanta cretinice! Foram aprovados dezenas de atos secretos, a maioria será liberado, Sarney livrou a cara, vão ferrar só um laranja qualquer, e ainda a imprensa noticia? E ainda o povo finge ligar? Ninguém tá nem aí pras maracutaias de Brasília, só querem saber quem empurrou o Gentili do CQC, aí sim as pessoas se preocupam. O CQC faz um baita trabalho, mas as pessoas acham graça e não refletem praquilo. Então, pra quê? É duro ser jornalista nessa terra de ninguém.

– Eu não vi nada do “showneral” do Michael Jackson, a não ser alguns twitters, mas nem fiz questão de ler nada muito profundo, porque acho um saco tudo isso. Show póstumo? Enterro business? O cara morreu há dias e só enterram agora? Estadunidense arruma qualquer coisa para virar entretenimento. MJ foi um astro pop mesmo, merece todos os louros, mas pisar em cima de morto com festa e banquete parece-me o fim da picada.

– Golpe militar em Honduras. Os EUA adoram interferir no Iraque, Afeganistão, porque não mandam tropas para acabar com essa palhaçada da direita hondurenha? Nunca vi os EUA interferindo contr aum golpe, apenas criando-os. É o fim do mundo golpe de Estado em pleno século XXI, como disse Lula, mas porquê nenhum governante da América Latina faz algo efetivo? Onde está Hugo Chávez a essa hora? Obama, alguém viu? Lula? Nestor Kirchnér até foi pra lá com Rafael Correa, mas, alguém mais? OEA condena, todos criticam, mas, atuação efetiva, alguém? Se os Estados Unidos acham por bem intervir em país anti-Ocidente, o que dizer dum golpe de Estado? Hipocrisia! Soberania e autodeterminação dos povos fazem bem. O que não faz é golpe de Estado pra satisfazer interesses de empresários e militares imbecis e antidemocráticos! Só porque viram que perderiam nos plebiscitos, temendo a repetição de Venezuela, Bolívia e Equador, matam hondurenhos pró-Zelaya e impedem que o presidente eleito legitimamente pelo povo volte ao seu país.

– Fechando: hoje teve lua cheia no Ipiranga de novo. Tão grande, amarela, linda. Como é bom o amor. Apesar de tudo, a vida ainda é possível.

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: